Entre Olhares – Ana Carolina (Quarta música do novo cd n9ve)

Se ficar assim me olhando
Me querendo, procurando
Não sei não eu vou me apaixonar
Eu não tava nem pensando
Mas você foi me pegando
E agora importa onde vá

Me ganhou vai ter que me levar
Você me vê assim do jeito que eu sou
É e faz de mim, tudo que bem quer
Eu que sei tão pouco de você
E você que teme em querer

Se ficar assim me olhando
Me querendo, procurando
Não sei não eu vou me apaixonar
Eu não tava nem pensando
Mas você foi pegando
E agora não importa onde vá
Me ganhou, vai ter que me levar
Com você é bom qualquer lugar

LEGEND
The way you're looking at me
You go with me?, you want me
Can't help myself I gotta be in love
I wasn't even thinking
and now you got me sinking
I need you baby, I can't get enough
You got me
That's where I'll always be
I know you see me just the way I am
But just think of me
What you want me to be
I know you found?the moment that we met
It's giving me a love I won't forget

Se ficar assim me olhando
Me querendo, procurando
Não sei não eu vou me apaixonar
Eu não tava nem pensando
Mas você foi pegando

LEGEND
I need you baby I can't get enough
You got me, that's where I'll always be
I'll go there, go anywhere with you!
Se ficar assim me olhando
Me querendo, procurando
Não sei não eu vou me apaixonar

LEGEND
I wasn't even thinking
And now you got me sinking!
I need you baby, I can't get enough!
Me ganhou vai ter que me levar.

Postado por vanessa.sc às 18:08:30
  | Encaminhar Este Post

- Mãe, vou casar!

- Jura, meu filho?! Estou tão feliz! Quem é a moça?

- Não é moça. Vou casar com um moço. O nome dele é Julio.

- Você falou Julio?... Ou foi meu cérebro que sofreu um pequeno surto psicótico?

- Eu falei Julio. Por que, mãe? Tá acontecendo alguma coisa?

- Nada, não... Só minha visão é que está um pouco turva. E meu coração, que talvez dê uma parada. No mais, tá tudo ótimo.

- Se você tiver algum problema em relação a isto, melhor falar logo...

- Problema? Problema nenhum. Só pensei que algum dia ia ter uma nora... Ou isso...

- Você vai ter uma nora. Só que uma nora... Meio macho. Ou um genro meio fêmea. Resumindo: uma nora quase macho, tendendo a um genro quase fêmea.

- E quando eu vou conhecer o meu... A minha... O Julio?

- Pode chamar ele de Biscoito. É o apelido.

- Tá! Biscoito... Já gostei dele. Alguém com esse apelido só pode ser uma pessoa bacana. Quando o Biscoito vem aqui?

- Por quê?

- Por nada. Só pra eu poder desacordar seu pai com antecedência.

- Você acha que o papai não vai aceitar?

- Claro que vai aceitar! Lógico que vai. Só não sei se ele vai sobreviver... Mas, isso também é uma bobagem. Ele morre sabendo que você achou sua cara-metade. E olha que espetáculo: as duas metades com pinto...

- Mãe, que besteira... hoje em dia... Praticamente todos os meus amigos são gays.

- Só espero que tenha sobrado algum que não seja... Pra poder apresentar pra tua irmã.

- A Bel já tá namorando.- A Bel? Namorando?! Ela não me falou nada... Quem é?

- Uma tal de Veruska.

- Como?

- Veruska...

- Ah, bom! Que susto! Pensei que você tivesse falado Veruska.

- Mãe!!!

- Tá..., Tá..., Tudo bem... Se vocês são felizes. Só fico triste porque não vou ter um neto...

- Por que não? Eu e o Biscoito queremos dois filhos. Eu vou doar os espermatozóides. E a ex-namorada do Biscoito vai doar os óvulos.

- Ex-namorada? O Biscoito tem ex-namorada?

- Quando ele era hétero. A Veruska.

- Que Veruska?

- Namorada da Bel...

- Peraí!. A ex-namorada do teu atual namorado... É a atual namorada da tua irmã... Que é minha filha também... Que se chama Bel. É isso? Porque eu me perdi um pouco...

- É isso. Pois é... A Veruska doou os óvulos. E nós vamos alugar um útero.

- De quem?

- Da Bel.

- Logo da Bel?! Quer dizer, então... Que a Bel vai gerar um filho teu e do Biscoito. Com o teu espermatozóide e com o óvulo da namorada dela, que é a Veruska?!?...

- Isso.

- Essa criança, de uma certa forma, vai ser tua filha, filha do Biscoito, filha da Veruska e filha da Bel.

- Em termos...

- A criança vai ter duas mães: você e o Biscoito. E dois pais: a Veruska e a Bel.

- Por aí...

- Por outro lado, a Bel..., Além de mãe, é tia... Ou tio...Porque é tua irmã.

- Exato. E ano que vem vamos ter um segundo filho. Aí o Biscoito é que entra com o espermatozóide. Que dessa vez vai ser gerado no ventre da Veruska... Com o óvulo da Bel. A gente só vai trocar.

- Só trocar, né? Agora, o óvulo vai ser da Bel. E o ventre, da Veruska.

- Exato.

- Agora, eu entendi! Agora eu realmente entendi...

- Entendeu o quê?

- Entendi que é uma espécie de swing dos tempos modernos!

- Que swing, mãe?!!...

- É swing, sim! Uma troca de casais... Com os óvulos e os espermatozóides, uma hora do útero de uma, outra hora no útero de outra...

- Mas...

- Mas, uns tomates! Isso é um bacanal de última geração! E pior...Com incesto no meio.

- A Bel e a Veruska só vão ajudar na concepção do nosso filho, só isso...

- Sei... E quando elas quiserem ter filhos...

- Nós ajudamos.

- Quer saber? No final das contas não entendi mais nada. Não entendi quem vai ser mãe de quem, quem vai ser pai de quem, de quem vai ser o útero, o espermatozóide... A única coisa que eu entendi é que...

- Que...?

- Fazer árvore genealógica daqui pra frente... Vai ser uma merda!

(Luiz Fernando Verissímo)

Postado por vanessa.sc às 17:50:08
  | Encaminhar Este Post

“Não se preocupe Manu, não irei fazer nada precipitado. Mas eu vou deixar você ciente de uma coisa: Eu já perdi pessoas das quais eu amava muito por causa desses militares. Porém agora eles estão mexendo no meu bem mais precioso. Manu, eu vou lhe pedir um favor e eu gostaria muito que você, ao menos, tentasse cumpri-lo...”

“Claro, Leo, qualquer coisa!”

“Por favor, tente ficar bem! Tente! Não me faça começar a terceira guerra mundial por sua causa, pois, por você, eu serei capaz de ir até o inferno somente para acertar contas com quem ousar lhe fazer mal.”

(Meu livro – Anos Incríveis. Diálogo entre Leo e Manu Ferreira).

Beijos mais que quentes.

Postado por vanessa.sc às 14:10:11
  | Encaminhar Este Post

Página em branco! O que fazer quando uma crônica não passa de uma página em branco? Você querer escrever algo interessante sobre alguma coisa, qualquer coisa, e simplesmente você fica olhando uma página em branco.

Esses dias eu ando meio “sei lá”. Querendo algo que eu sinceramente não sei, e às vezes, como diria o Garfield, acho que a vida está me atropelando. Como uma amiga falou esses dias, eu vou de casa para o trabalho, do trabalho para casa. É... Eu sempre gostei de ficar em casa, mas ultimamente, eu até que toparia sair, mas quando eu lembro de que, para isso eu terei que me arrumar, pegar o carro e sair dirigindo... Do jeito que eu ando cansada... Sem essa. Nem ao cinema eu ando tendo vontade de ir (Confesso que os filmes também não estão ajudando muito ¬¬).

Aconteceram umas coisas chatas esses dias, que eu não contei para ninguém... Bem, até porque as pessoas não têm que ficar preocupadas comigo (Adrian e Dry, desculpem por isso) que me deixaram bem triste, de verdade, de uma maneira que eu realmente não sabia que as pessoas poderiam ficar! E está doendo em locais que eu realmente não sabia que existia, mas é assim mesmo. Como eu cansei de escutar... Eu tenho que ser forte... E estou tentando ser, o problema é que eu estou cansada de aparentar uma fortaleza que eu não tenho.

Hoje, me perguntaram se o que eu tenho no lugar do coração é uma pedra de gelo... Bem... Coração mais mole que o meu não existe... O problema é que eu tenho que ser forte... E isso enche o saco. Eu não sou forte, só não me deixo abater, nem demonstrar como eu realmente estou me sentindo. Primeiro porque as pessoas não têm que ficar sabendo e assim ficar preocupadas comigo, depois porque, sinceramente, nada do que elas falarem vai surtir efeito. Eu só evito deixá-las mais preocupadas.

Certo, eu estou assim porque ainda, talvez, não tenha chorado o que está na minha garganta, mas... Como fazer isso quando nossas lágrimas já secaram? Quando se está claramente perdendo a esperança? A verdade é que eu estou parada! Ah... Sei lá sabe... Só queria uma luz só isso!

Postado por vanessa.sc às 19:03:51
  | Encaminhar Este Post

Mr. Darcy: You must know... surely, you must know it was all for you. You are too generous to trifle with me. I believe you spoke with my aunt last night, and it has taught me to hope as I'd scarcely allowed myself before. If your feelings are still what they were last April, tell me so at once. My affections and wishes have not changed, but one word from you will silence me forever. If, however, your feelings have changed, I will have to tell you: you have bewitched me, body and soul, and I love, I love, I love you. I never wish to be parted from you from this day on. (Pride and Prejudice).

Where place in the world is my Mr. Darcy?

Beijos mais que quentes! Um ótimo sábado.

Postado por vanessa.sc às 07:49:13
  | Encaminhar Este Post

Sonhos - A ordem do dia.

Siga seus sonhos!

Beijos mais que quentes. Tenham todos um ótimo final de semana!

Postado por vanessa.sc às 07:58:12
  | Encaminhar Este Post

Parafraseando Arnaldo Antunes, o que te faz feliz? Não, não vou começar a escrever coisas como no comercial do Pão de Açúcar, que por sinal é lindinho. Mas o que faz você realmente feliz? Dizem algumas pessoas, que o que as faria feliz, seria ganhar na loteria, e viajar o mundo num desses cruzeiros luxuosos sem ter nenhuma preocupação na cabeça.

Mas como o Bial já falou, pré-ocupação é tão eficaz quanto mascar chiclete para resolver equação de álgebra. Uma hora qualquer, essas mesmas pessoas estariam entediadas de estarem o tempo todo dentro de um navio sem ver terra firme.

Não, a felicidade é algo mais profundo e infinitamente mais simples. Felicidade, ou melhor, o que ME faz feliz é ver o brilho nos olhos de uma criança, o sorriso dela, ou então, escutar, da minha janela, os pássaros de manhã cedo, geralmente as pessoas não param para escutá-los, o que me faz lembrar uma história que eu escutava quando era criança “o rouxinol do imperador”.

Mas, estar feliz independe de muitas coisas. E eu sinceramente acho que as pessoas nunca estão felizes plenamente, sempre falta alguma coisa para que elas realmente comecem a flutuar em nuvens de algodão. Eu realmente ando tendo uma estranha sensação de felicidade, pequena, mas ainda assim, felicidade. Sinto falta de muitas coisas na minha vida, geralmente de coisas que eu ainda não vivi (o que eu realmente não consigo entender), mas realmente há essa sensação.

Alguns amigos meus talvez, me falariam que meu olho anda querendo ficar arredondado (será mesmo que o meu olho de bolinha está voltando?), mas eu sinceramente ando cética em relação a isso. Ah... Olho de bolinha? Bom, para os que assistem desenho japonês, já devem saber, mais ou menos, de como é, para os que não assistem, é só lembrar do gato de botas do desenho Shrek... E os que nem o Shrek assistiram, não posso fazer nada quanto a isso, infelizmente! Vocês, que não param para assistir a um desenho animado, são felizes?

Vocês já pararam para pensar no motivo das crianças serem felizes? Passem a ver o mundo sob os olhos de uma criança que vocês entenderão por quê! Sim, eu queria que MUITAS coisas da minha vida fossem diferentes, o que infelizmente está fora do meu alcance (nem espada justiceira ajudaria numa hora dessas), então o negócio é deixar pra lá e seguir em frente. Não estou falando das tais felicidades instantâneas, que geralmente duram o tempo de uma respiração. Mas aquela felicidade que entra em seu coração e não sai mais.

Essa felicidade, é que todos procuramos, poucos encontram e somente alguns a cultivam! Essa felicidade é a que vale a pena acordar todos os dias e... Agradecer!

Beijos Quentes e sejam realmente felizes.

Postado por vanessa.sc às 07:51:12
  | Encaminhar Este Post

O mais engraçado nas coisas que andam acontecendo, é que elas simplesmente acontecem. Na verdade eu queria que elas estivessem mais bem definidas, mas por algum motivo, elas não estão. E isso está começando a ficar chato. Tem horas que eu simplesmente quero mandar tudo para o ar, poxa, afinal de contas... Mas, quando acontece de eu escutar certas músicas (The Fray ta começando a se tornar minha banda preferida) eu simplesmente começo a amolecer. Sim, eu sei que não posso, simplesmente, mas o que eu posso fazer? Eu sei que não é como eu quero, sim, eu sei, mas eu não quero que seja dessa forma que está acontecendo. “Começou de maneira estranha, Van” eu escutei, e eu tento me apegar a isso, mas por alguma razão, de alguma forma eu não consigo. Eu começo a sorrir abobalhadamente e pronto, lá se foi a tal fortaleza. Não, para quem sabe do que eu estou falando, não irei amolecer, mas meu medo, é que, dessa forma...

Afinal de contas, o que é estar apaixonado? Não é você simplesmente querer estar perto da pessoa o tempo todo? Não é você querer saber dela o tempo todo? Não é você... Mas e quando a pessoa não entende, ou pior, não percebe isso? Quando ela aparece feito mágica na sua vida, e desaparece da mesma forma? Um Mr. Darcy... Eu vivo falando isso, mas ele não existe! Ele NÃO existe.

Se a Donna estivesse lendo isso, ela iria pensar: Oh lá, ela está começando a surtar. A forma como as coisas estão acontecendo, estão me obrigando a fazer o que eu não gosto quando eu ainda não desistir... Ignorar. Isso dói mais em mim que em outra pessoa. Mas, infelizmente, as coisas não podem ser diferentes, para que eu mesma não saia machucada disso tudo (mais ainda). O pior é que eu não sei o que, sinceramente, estão pensando (seja no plano real ou no espiritual) TUDO, simplesmente TUDO faz com que eu lembre toda a situação. O que me deixa mais agoniada é que eu simplesmente não sei o que se passa na cabeça das pessoas, sinceramente!

Música que muito diz para o que eu estou passando?

The Fray – Look After you!

If I don’t say this now

(Se eu não disser isso agora)

I will surely break

(Eu certamente enlouquecerei)

As I’m leaving the one I want to take

(Como se deixasse a única coisa que eu quero ter)

Forgive the urgency

(Perdoe a urgência)

But hurry up and wait

(Mas apresse-se e espere)

My heart has started to separate

(Meu coração começou a se partir)

Beijos mais que quentes!

Postado por vanessa.sc às 18:47:49
  | Encaminhar Este Post

Sabem uma coisa que eu sempre quis saber? É por que, cargas d’água eu estou por aqui, sério! Vejam... EU sou péssima! Péssima filha (isso sem sombra de dúvida); certamente sou péssima mulher (bom, isso eu tenho espelho, não preciso que ninguém me diga) e sinceramente, ultimamente, comecei a acreditar que sou um fiasco como profissional. Sim, por que não é possível que eu esteja certa e todas as outras pessoas estejam erradas não é isso?

Claro, se TODAS as pessoas sempre criticam alguma coisa que eu faça, algo de errado deve existir comigo! O pior é que apenas... Tento fazer o certo sabem? Tento mostrar trabalho (O que obviamente não é certo, porque, se as pessoas não reconhecem é porque, sinceramente, eu que faço errado) tento fazer de tudo para deixar minha mãe feliz, mas parece que a cada dia eu só faço besteira, eu tento acertar, mas só erro. Essa merda desse medo de fracasso... Medo, eu disse? Não, não é medo, EU SOU UM FRACASSO! Não duvido nada que meus amigos, mais cedo ou mais tarde, falem a mesma coisa! Quando eu penso que estou fazendo a coisa certa, vem a realidade me dando uma bofetada falando: EI IDIOTA, NÃO TENTA, TU NÃO ÉS GENTE!

Pelo menos uma vez, só uma vez, eu queria saber como é estar no lugar dessas pessoas que fazem tudo certo sabe? Que é orgulho pra alguém? Daquele tipo de pessoa que quando se fala dela, o brilho nos olhos de quem está falando é tão intenso que contagia todo mundo? Eu não peço muita coisa, não quero dinheiro, não quero amor eterno (Até porque isso, sinceramente é uma coisa que eu, na boa, não espero mais). Deve ser bem legal receber uma coisa assim, né? Esse brilho nos olhos de alguém que a gente gosta falar: ela é uma pessoa que vale a pena ter por perto! Deve ser bom isso!

A Rayssa, minha prima, não sabe o quanto ela tem sorte! Nossa, vocês sabem, ela é o rogulho da família. Sério, inteligente pacas, aquela menina ainda vai longe. Ela merece sabem! é persistente! E merece tudo de bom, nossa. A mãe dela só pode mesmo viver falando que ela é o orgulho de todos, e é mesmo, caramba, ela passou pra medicina cara, numa colocação fantástica, ora, se eu, que sou apenas a prima tem orgulho dela, por que a família inteira não vai ter? Queria poder ser como ela! Assim, talvez, por alguns segundos, eu talvez deixasse de escutar um "não fez mais que a sua obrigação".

Postado por vanessa.sc às 20:27:08
  | Encaminhar Este Post

Quando eu estiver triste Simplesmente me abrace.

Quando eu estiver louco Subitamente se afaste

Quando eu estiver fogo Suavemente se encaixe

Quando eu estiver triste Simplesmente me abrace.

Quando eu estiver louco Subitamente se afaste

Quando eu estiver bobo Sutilmente disfarce.

Beijos mais que quentes.

Postado por vanessa.sc às 07:56:10
  | Encaminhar Este Post

Eu gostaria de poder fazer as coisas que se passam pelo meu coração.

Eu gostaria, de fazer com que as pessoas sentissem a felicidade plena.

Eu gostaria que o “tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas” fosse regra e não exceção.

Eu, sinceramente, gostaria, de ter todos os meus amigos perto.

Eu gostaria de fazer com que o amor fosse uma coisa certa, e não a coisa mais incerta do mundo.

E eu, principalmente, gostaria, de desejar um ótimo dia para todos.

Beijos mais que quentes!

Postado por vanessa.sc às 07:49:36
  | Encaminhar Este Post

Ouça o que Oprah Winfrey tem a dizer sobre OS homens.
 
-Se um homem quer você, nada pode mantê-lo longe.
-Se ele não te quer, nada pode fazê-lo ficar.
-Pare de Dar desculpas (de arranjar justificativas) para um homem e seu comportamento.
-Permita que sua intuição (ou espírito) te proteja das mágoas.
- Para de tentar se modificar para uma relação que não tem que acontecer.
-Mais devagar é melhor. Nunca dedique sua vida a um homem antes que você encontre o que realmente te faz feliz.
-Se uma relação terminar porque o homem não te tratou como você merecia, "Dane-se, mande pro inferno, esquece!", vocês não podem "ser amigos". Um amigo não destrataria outro amigo.
-Não conserte.
-Se você sente que ele está te enrolando, provavelmente é porque ele está mesmo. Não continue (a relação) porque você acha que "ela vai melhorar"
-Você vai se chatear daqui um ano por continuar a relação quando as coisas ainda não estiverem melhores.
-A única pessoa que você pode controlar em uma relação é você mesma.
-Evite homens que têm um Monte de filhos, e de um Monte de mulheres diferentes. Ele não casou com elas quando elas ficaram grávidas, então, porque ele te trataria diferente?
-Sempre tenha seu próprio círculo de amizade, separadamente do dele.
-Coloque limites no modo como um homem te trata. Se algo te irritar, faça um escândalo.
-Nunca deixe um homem saber de tudo. Mais tarde ele usará isso contra você.
-Você não pode mudar o comportamento de um homem. A mudança vem de dentro.
-Nunca o deixe sentir que ele é mais importante que você... Mesmo se ele tiver um maior grau de escolaridade ou um emprego melhor.
-Não o torne um semi-deus.
-Ele é um homem, nada além ou aquém disso.
-Nunca deixe um homem definir quem você é.
-Nunca pegue o homem de alguém emprestado..
-Se ele traiu alguém com você, ele te trairá.
-Um homem vai te tratar do jeito que você permita que ele te trate.
-Todos OS homens NÃO são cachorros.
-Você não deve ser a única a fazer tudo... Compromisso é uma via de mão dupla.
-Você precisa de tempo para se cuidar entre as relações. não há nada precioso quanto viajar. Veja as suas questões antes de um novo relacionamento.
-Você nunca deve olhar para alguém sentindo que a pessoa irá te completar... Uma relação consiste de dois indivíduos completos.. Procure alguém que irá te complementar.. não suplementar.
-Namorar é bacana. Mesmo se ele não for o esperado Sr. Correto.
-Faça-o sentir falta de você algumas vezes... Quando um homem sempre sabe que você está lá, e que você está sempre disponível para ele - ele se acha...
-Nunca se mude para a Casa DA mãe dele. Nunca seja cúmplice (co-assine) de um homem.
-Não se comprometa completamente com um homem que não te dá tudo o que você precisa. Mantenha-o em seu radar, mas conheça outros...
-Compartilhe isso com outras mulheres e homens (de modo que eles saibam). você fará alguém sorrir, outros repensarem sobre as escolhas, e outras mulheres se prepararem.
-Dizem que se gasta um minuto para encontrar alguém especial, uma hora para apreciar esse alguém, um dia para amá-lo e uma vida inteira para esquecê-lo.
-O medo de ficar sozinha faz que várias mulheres permaneçam em relações que são abusivas e lesivas: Dr. Phill
-Você deve saber que você é a melhor coisa que pode acontecer para alguém e se um homem te destrata, é ele que vai perder uma coisa boa.
-Se ele ficou atraído por você à primeira vista, saiba que ele não foi o único.
-Todos eles estão te olhando, então você tem várias opções. Faça a escolha certa.
 
Ladies, cuidem bem de seus corações...

 

Beijos mais que gelados!

Postado por vanessa.sc às 17:18:12
  | Encaminhar Este Post

O sonho de mudar a cor dos olhos para sempre ainda é questionado por especialistas

Por Denise Mello

A grande maioria das pessoas está insatisfeita com o corpo. A prova disso são as clínicas de estética e cirurgia plástica cada dia mais lotadas em prol da beleza e da vaidade. Tanto é, que uma técnica desenvolvida pelo oftalmologista panamenho Delary Kahn tem causado polêmica. Desde 2002, Kahn realiza em seu consultório uma cirurgia que muda a cor dos olhos do paciente.

Para obter esse resultado é feito um corte nos olhos e, por meio dele, é inserida uma lente colorida sobre a íris. Muita gente já se animou com a idéia, afinal, seria o fim das lentes de contato coloridas. Mas, segundo a maioria dos oftalmologistas brasileiros, essa técnica ainda não é totalmente segura e pode causar sérios danos à saúde ocular o paciente.

Segundo Virgilio Centurion, oftalmologista e diretor do IMO (Instituto de Moléstias Oculares), essa cirurgia pode acarretar problemas sérios e irreversíveis. "Os riscos de glaucoma, inflamações no olho e descompensação da córnea são enormes, além da cegueira que também não pode ser descartada", afirma.

Mas se essa cirurgia é mesmo tão comprometedora, por que é realizada? Virgilio explica que no Panamá as leis são mais permissivas que no restante do mundo. "Lá, por exemplo, não é exigido que se façam pesquisas experimentais, nem mesmo testes em humanos antes que um procedimento médico seja oferecido à população", explica. Dessa forma, o médico não tem encontrado dificuldades de desenvolver seu procedimento no país.

Virgilio ainda explica que esta cirurgia não pode ser associada a outros procedimentos oftalmológicos, como a cirurgia de catarata, em que uma lente é implantada no olho e substitui o cristalino. "Este é um procedimento seguro. Para ser realizado, foram feitos testes por oftalmologistas em todo o mundo", explica.

No Brasil, a cirurgia que muda a cor dos olhos é considerada experimental e não recebeu a aprovação da ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária).

Nota da Blogueira: Isso parece um tanto bizarro pra mim, vocês não acham?

 Beijos mais que quentes!

Postado por vanessa.sc às 08:02:02
  | Encaminhar Este Post

Humor Atual

Meu Perfil

Links

. Blog do Uol
. Letras de Musica
. Martha Falcão
. Omelete
. Cinema com Rapadura
. Cinemais
. Cinemark
. UFAM


Nome: Vanessa Carvalho

Nascimento: 28 de Janeiro

Signo: Aquário

Cidade: Manaus/Amazonas

Twitter: @Nessasc

Twitter²: @Filmes_Livros

Profissão:

Férias vitalícias. Terminei de escrever um livro chamado "Anos Incríveis" e pelo que parece vai sair mais cedo do que eu pensava, só falta eu deixar de ter preguiça e começar a passar para o computador.




Frase: "Can you put a price on your dreams?"


Gosto:

Eu gosto de estar com as pessoas que gostam de mim, gosto dos meus amigos, são poucos, mas eles são importantes pra mim. Estou apaixonada, muito, e estou muito feliz.Sou desconfiada, ciumenta (apesar de conseguir esconder até que bem isso das pessoas), seletiva nas minhas coisas, não perdoo fácil as pessoas quando me ofendem ou alguém que eu amo, tenho pouca paciência, não posso negar e sou bastante racional, dificilmente me deixo ser levada pelas minhas emoções. Mas sou muito chorona, choro em desenho animado, novela mexicana (FATO), quando estou triste, e também quando estou feliz. Choro em livros (Calafrio foi o último que eu chorei) e adoro escrever.



Odeio:

Injustiça e mentira, acho que essas duas palavras resume bastante como eu sou no cotidiano.




Filme:

Um filme que resume bem meu gosto por tudo na vida é Orgulho e Preconceito... Sim o sarcasmo, pra mim, mostra muito do sentimento não dito entre duas pessoas. Mas eu gosto também de filmes antigos como "Casablanca" e "Bonequinha de Luxo" (Ainda está para nascer alguém como a Audrey linda Hepburn. Gosto de filmes de ação, romance, drama, desenhos. Ainda estou em dúvida em relação às comédias românticas. Acho que elas deixaram o brilhantismo de Meg Ryan e Tom hanks nos anos 80/90, não inovam mais e sempre é aquela mesma coisa chata. Harry e Sally adoro o final do filme. Filmes do momento como a série Harry Potter (Sim, eu gosto), Saga Crepúsculo eu assisto por ter lido os livros, confesso, não espero muita coisa deles, mas são legais, filmes dos anos 80? Clube dos Cinco, Primeiro ano do resto de nossas vidas, Curtindo a vida adoidado, Goonies, Gremlins, e por aí vai...



Música:

Trilhas Sonoras de filmes, eu sou particularmente fã. Mas gosto do "The Fray", do "David Cook" (Ganhador do American idol de 2008), "Bon Jovi" (Always), Ana Carolina, Jota Quest, Skank, Emmerson Nogueira (Todos Mineiros - Adoro o sotaque mineiro), Lulu Santos (Ainda a trilha sonora da minha vida, não tem jeito), e claro, coisas que eu trago ainda da minha adolescência como Backstreet Boys. Músicas dos anos 80, do rock nacional sempre me animam.



Livros Lidos:

Crepúsculo (Saga Completa); Orgulho e Preconceito; As areias do tempo; Saga Millennium, O Clube do Filme, Anjos e Demônios, Calafrio, Feios, A menina que roubava livros, Dançando no ar, Wake.



Livros para Ler:

Fallen, Swoon, Símbolo Perdido, Coração Ferido, A Guardiã da Meia-Noite, Para Sempre, Lua Azul, O legado da Caça-Vampiros, A Princesa e o Gelo, e mais alguns que eu não lembro.



Lendo: Um beijo do destino.








:: Vanessa's Link::





Arquivo

01/11/2010 a 30/11/2010
01/10/2010 a 31/10/2010
01/09/2010 a 30/09/2010
01/08/2010 a 31/08/2010
01/07/2010 a 31/07/2010
01/06/2010 a 30/06/2010
01/05/2010 a 31/05/2010
01/04/2010 a 30/04/2010
01/03/2010 a 31/03/2010
01/02/2010 a 28/02/2010
01/01/2010 a 31/01/2010
01/12/2009 a 31/12/2009
01/11/2009 a 30/11/2009
01/10/2009 a 31/10/2009
01/09/2009 a 30/09/2009
01/08/2009 a 31/08/2009
01/07/2009 a 31/07/2009
01/06/2009 a 30/06/2009
01/05/2009 a 31/05/2009
01/04/2009 a 30/04/2009
01/03/2009 a 31/03/2009
01/02/2009 a 28/02/2009
01/01/2009 a 31/01/2009
01/12/2008 a 31/12/2008
01/11/2008 a 30/11/2008
01/10/2008 a 31/10/2008
01/09/2008 a 30/09/2008
01/08/2008 a 31/08/2008
01/07/2008 a 31/07/2008
01/06/2008 a 30/06/2008
01/05/2008 a 31/05/2008
01/04/2008 a 30/04/2008
01/03/2008 a 31/03/2008
01/02/2008 a 29/02/2008
01/01/2008 a 31/01/2008
01/12/2007 a 31/12/2007
01/11/2007 a 30/11/2007
01/10/2007 a 31/10/2007
01/09/2007 a 30/09/2007
01/08/2007 a 31/08/2007
01/07/2007 a 31/07/2007
01/06/2007 a 30/06/2007
01/05/2007 a 31/05/2007
01/04/2007 a 30/04/2007
01/03/2007 a 31/03/2007
01/02/2007 a 28/02/2007
01/01/2007 a 31/01/2007
01/12/2006 a 31/12/2006
01/11/2006 a 30/11/2006
01/10/2006 a 31/10/2006
01/09/2006 a 30/09/2006
01/08/2006 a 31/08/2006
01/07/2006 a 31/07/2006
01/06/2006 a 30/06/2006
01/05/2006 a 31/05/2006
01/04/2006 a 30/04/2006
01/03/2006 a 31/03/2006
01/02/2006 a 28/02/2006
01/01/2006 a 31/01/2006
01/12/2005 a 31/12/2005
01/11/2005 a 30/11/2005
01/10/2005 a 31/10/2005
01/09/2005 a 30/09/2005
01/08/2005 a 31/08/2005
01/07/2005 a 31/07/2005
01/06/2005 a 30/06/2005
01/05/2005 a 31/05/2005
01/04/2005 a 30/04/2005
01/03/2005 a 31/03/2005

Votação

[Avalie Este Blog]

Indique Este Blog

[Clique Para Indicar]

Visitas

Créditos

[ Layout ]
VICKYS.com.br
VICKYS.com.br

[ Powered by ]

XML/RSS Feed
O que é isto?

Leia este blog no seu celular